quinta-feira, 6 de março de 2008

REGRAS DO BASQUETEBOL


O basquete foi inventado em dezembro do ano de 1891 pelo professor canadense James W. Naismith e é considerado um esporte coletivo de precisão, já que o objetivo do jogo é acertar um alvo pequeno, uma cesta colocada a 3,05m (no masculino) nas duas extremidades da quadra.

Os jogos são disputados por duas equipes com cinco jogadores cada e vence o time que marcar o maior número de pontos.

Há três formas de pontuar: nos tiros livres (arremessos consignados em lances de falta, que valem um ponto), nos arremessos de pequena e média distância (que valem dois pontos) e nos arremessos de longa distância, de trás de uma linha arqueada a 6,25m de distância da cesta (que valem três pontos).

Cada partida tem a duração de 40 minutos de bola em jogo, divididos em quatro quartos de 10 minutos.

O jogo começa no circulo central quando, o árbitro, joga a bola ao alto fazendo a disputa de salto entre as equipes. O jogo, atualmente, corre em 4 períodos de 10 minutos cada. O cronômetro desse tempo deve parar a cada saída de bola ou parada do jogo (quando a bola estiver morta). O árbitro deve sinalizar a mesa a parada do cronômetro.


A equipe só pode começar um jogo se os padrões do mesmo forem cumpridos. São eles:
1.Ter no mínimo 8 jogadores aptos a jogar (5 em quadra e 3 no banco.) e no máximo 12 jogadores aptos a jogar.
2.Deve ter um técnico, e se o time preferir um assistente de técnico.
3.Deve também possuir um capitão do time.
4.Deve ter um uniforme com uma cor predominante e uma segunda cor.

A quadra

A quadra de basquete deve ser retangular, plana, sólida e livre de obstáculos. De acordo com as novas regras da FIBA, seu comprimento deve ser de 28m e a largura de 15m, sendo que as linhas limítrofes não fazem parte da quadra de jogo. Estas dimensões são obrigatórias para campeonatos internacionais, para as outras competições, a entidade responsável poderá autorizar jogos em quadras com a medida antiga, de 26m por 14m.

Basquetebol


Todas as linhas da quadra deverão possuir 5cm de largura e todas de uma mesma cor, preferencialmente branca. Paralelo às linhas de fundo, exatamente no centro da quadra, deverá ser traçada a linha central. A partir de seu centro deverá ser desenhado um círculo de 1,80m de raio. O círculo pode ser de cor diferente da quadra, porém, se pintado, deve ser da mesma cor dos garrafões.

Posições


Armador
: É o homem chave do jogo. É ele quem leva a bola da defesa ao ataque, efetua passes, arma jogadas e chama o jogo.


Ala: É o jogador que mais infiltra, dribla, e participa das jogadas. É uma boa posição para arremessos de longa distância.


Pivô: É o homem do rebote. Mas além de pegar rebotes, devido a sua altura e força, é bem utilizado em cortinas e pontes aéreas.


Posições de ataque: Quando a equipe perde a posse de bola, ela aciona automaticamente seu sistema defensivo. Numa marcação ZONA há posições fixas.


1.Pivô Defensivo - É um ponto estratégico na defesa. Fica no meio do garrafão ajudando no rebote e no roubo de bola.

2.Ala Defensivo - Marca o respectivo Ala impedindo infiltrações, arremessos e roubando a bola.
3.Guarda - "Caça" rebotes defensivos, dá tocos, desarma as infiltrações e laça para contra-ataque.


Tipos de Marcação

Nem sempre há posições fixas na defesa. Tudo depende do tipo de marcação.
Zona - Cada jogador tem uma posição fixa com certa função. Não há muitos movimentos.
Homem a Homem -"Cada um pega o seu!"; Cada jogador marca seu respectivo adversário. Ex: Ala marca Ala, Amador marca armador. Não há posições defensivas fixas.
Pressão - O mesmo que Homem à Homem mas tendo como objetivo o roubo de bola e contra-ataque. Esta marcação é feita em toda a quadra.

Todas estas posições podem ser flexíveis em função de jogadas, cortinas e infiltrações.


As Faltas (Contato Físico)


No basquetebol, todo e qualquer contato físico que influencie na jogada, sendo de ataque ou defesa, é falta. Geralmente da defesa, mas também há de ataque.


Toda a vez que o defensor toca no atacante é falta mas a falta é dada apenas se o toque for relevante em relação ao jogo ou se for agressiva. Para um marcador não fazer falta ele deve ficar com certa distância do atacante para prever sua jogada e deve também manter seus braços ou erguidos ou abaixados. BRAÇOS PARA OS LADOS É FALTA! Ou seja se estou atacando e correndo em linha reta e bato no braço (que no caso está para o lado) de um defensor, isso é falta a meu favor.


Um jogador também não pode empurrar, abraçar, cotovelar, segurar ou soquear o atacante, sendo que estes também não podem ser feitos para o defensor.


Para todos estes tipos de faltas existe uma penalidade. Em caso de uma falta convencional, ou seja, um simples contato físico durante o jogo; o arbitro sinaliza a falta, o cronômetro é interrompido e é dada uma reposição de bola de fora da quadra. Simplificando: É dado um lateral ao time que sofreu a falta. Mas isso é apenas durante o jogo normal, durante uma troca de passes, infiltração ou um movimento qualquer. Agora, se a falta ocorrer durante um ato de arremesso, ai então é dada uma bonificação: Lances Livres. Se o jogador tomar a falta durante o ato de arremesso e converter a cesta (a bola precisa ter saído das mãos do jogador antes do apito soar), então valem os pontos e é dado um (1) lance livre de bonificação; Se tomar a falta, mas não converter a cesta, aí é dado dois (2) lances livres; e se o arremesso for para três pontos e não convertidos então, serão dados aí três (3) lances livres.

Arremesso para três pontos de Sara Giauro




Mas nem todas as faltas são feitas pela DEFESA
As faltas também podem ser de ataque - como dito antes O jogador em posição ofensiva não pode forçar sua passagem (provavelmente em direção a cesta) sobre o corpo do adversário Por exemplo, eu estou lhe marcando e você tenta passar reto por cima de mim usa a força do corpo.

Agência
Nenê

Isso é uma falta de ataque, e quando ocorre é dada uma reposição de bola pela lateral para o time adversário. E como sempre, toda a regra tem uma exceção. Existem também as faltas antidesportivas. São aquelas falta mais graves, que vão contra o espírito esportivo do jogo como por exemplo, dar um soco no adversário, jogar a bola de propósito com força sobre um jogador, pegar a bola e chutá-la com força ... Esse tipo de coisas. Nestes casos a penalidade é diferente: São dados dois lances livres mais um lateral de ataque para o time que sofreu a falta.

Agência
Reuters
O uruguaio Osimani salta para a bandeja, marcado por Garcia


Após 5 faltas pessoais, o jogador que as cometeu deverá ser substituído e não poderá voltar a jogar naquele jogo.
Após 4 faltas coletivas
(em cada período) todas as seguintes serão convertidas em dois lances livres.


Regras de Drible:


Essa é uma regra um pouco complicada। A caminhada. A regra diz que você pode dar 2 tempos de passos, mas há algumas regras para esta regra. Em primeiro lugar, antes de picar a bola, ou seja, quando você recebe um passe de bola, não se pode dar nenhum passo. Deve-se picar, passar ou arremessar a bola. Digamos que depois de picar você pare a bola com as mãos, agora você não pode mais PICAR. Você está com os dois pés no chão; pode estabelecer-se um pé de apoio, ou seja, se você fixar um dos dois pés você poderá mover livremente o outro. Digamos agora que você fixa o outro pé e tira do chão o antigo apoio, VOCÊ JÁ USOU DOIS PÉS PARA APOIO, e se você encostar o outro no chão terá usado três apoios, o que não é permitido! Isso é caminhar. Se o arbitro apitar a caminhada, será dada uma reposição de fora da quadra (lateral) para o oponente.


Mas o esquema dos passos não é a única restrição. Você também não pode: picar a bola, pegá-la com as mãos e picá-la novamente; Não pode picar a bola com ambas as mão juntas; Não pode apoiar a bola por baixo, ou seja, conduzir a bola levando a mão sob a bola. Todos estes aspectos são considerados drible ilegal e tem a mesma penalidade da caminhada.


Regras de Tempo em Quadra


Falando sobre tempo:

1.No 1º,2º e 3º período é permitido 1 tempo de 1 min. no 4º período, 2 tempos de 1 min.
2.Os intervalos entre cada período são de 2 minutos, mas entre o 2º e 3º há um intervalo de 15 minutos.
3.Não é permitido ficar dentro do garrafão por mais de
3 segundos com ou sem posse de bola.
4.Não é permitido ficar (com a bola) mais de 8 segundos na zona (lado da quadra) de defesa.
5.Após os
8 segundos mencionados acima, você tem 24 segundos para arremessar a bola (zona de ataque).
6.Quando há um marcador a menos de 1m de distância do atacante, o mesmo, não pode segurar a bola por mais de
5 SEGUNDOS




No basquete
As indicações com as mãos informam aos jogadores de basquete e aos espectadores as decisões tomadas pelos árbitros.


1

13 comentários:

pedro disse...

isso foi a melhor explicação de basquete gostei pra caramba valeu pro dono dessa pagina

matheus disse...

eu preciso fazer um trabalho de ed fisica qe são as regras do basquete.Mas este negocio é muito grande.ai eu queria qe fizesse um resumo para mim.

kate disse...

concordo cm o matheus é muito grande eu precisava para um trabalho de escola mais não tem com eu fazer manuscrito é enorme

thayanne disse...

Muito obrigada com isso eu vôu tirar 10

mylenacandido disse...

eu concordo com o matheus ele é o unico que falou uma coisa cxoerente e de valor!

LMVK RibaStreetball disse...

Muito Bom esse tutorial, simplese objetivo...pois se forem ver realmente o que é a regra do basquete ia ter nego que ia chorar em ler 48 paginas. kkkkk vlws forte abraço

Wini nocas disse...

ESTÁ TUDO BEM EXPLICADO!!!

rick disse...

MULEQUE É MELHOR SO JOGAR RACHÃO MESMO

larissa jennefer disse...

e ideal para o meu trabalho de ed.fisica

Carolzinha! disse...

O povo reclamão... é só resumir...

duda disse...

deveriam dizer se era atualmente ou não isso não me serviu muito.

andressa pereira nogueira disse...

Concordo com o Matheus,isso é muito grande queria um resumo!

Kin Uchiha disse...

caralho mateus deixa de ser pau no cú vei ta mt bom vc q é fresco pra caralho,muito bom esse resumo,ajudou mt no meu trabalho de ed física,tirei 10.